Quero ser Ricardo Kotscho para andar pela rua e não me acomodar num computador. Quero ser Robert Fisk para guerrear pela paz tendo como arma um microfone. Quero ser Hélio Fernandes para me libertar pelas grades e não me prender a cifrões. Quero ser Gay Talese para cuidar de cada palavra e ser sensível ao sentimento das pessoas. Quero ser Zuenir Ventura para escrever as minhas histórias dos outros. Quero ser Alberto Dines para observar a mim mesma. Quero ser John Reed para narrar dias que abalaram o mundo. Quero ser muitos. Eu mesma. Sou um ser em construção.

domingo, 22 de fevereiro de 2015

Em algum lugar



No céu, rajadas de paz. 
Na terra, um gosto profundo. 

No radinho 
jogado ao pé de um tronco, 
promessas de amor e delírio. 

Ao som do balanço das árvores, 
a velha casota espia tudo. 

O banco é o mesmo, 
mas quem senta nele é o passado. 

O lago continua esplendoroso, 
sempre encantando o olhar do menino. 

Que corre sorridente, 
alheio à quentura do sol. 

Já é possível sentir o cheiro do almoço. 

Mas os pássaros, 
tal como os meninos, 
só querem saber de voar. 

Ana Helena Tavares

Nenhum comentário:

"O discípulo não supera o mestre, o complementa" (Luciene Félix, profª de filosofia da Escola Superior de Direito Constitucional - SP)

"A amizade é uma predisposição recíproca que torna dois seres igualmente ciosos da felicidade um do outro."
(Platão)

"A amizade é mais importante do que a justiça, porque onde houver amizade, a justiça já está feita."(Aristóteles)

Este blog adota a